sábado, 12 de janeiro de 2013

Publicação do terceiro livro da saga de Peter V. Brett, A Daylight War



25/07/2013 - Confirmação da publicação do livro em Portugal no Outono


 
Este é, sem sombra de dúvida, um dos livros que mais antecipo.

O Ciclo da Noite dos Demónios, The Demon Cycle, como esta série é conhecida, passa-se num mundo fantástico onde, de noite, demónios se erguem da terra para espalhar o caos e a morte. A única coisa que protege as pessoas são estranhas runas capazes de afastar esses demónios.

Arlen, um simples rapaz de campo, compromete-se a descobrir os segredos destes demónios e a derrotá-los, tornando-se O Homem Pintado (nome do primeiro livro). Com ele, juntam-se personagens como Leesha, uma rapariga experiente na arte das ervas, Rojen, um rapaz espirituoso com um dom único para a música, e Jardir, um líder que se auto-proclama o Libertador que, dita a profecia, será aquele capaz de derrotar os demónios, tornando-se rival do Homem Pintado. É sobre Jardir que o segundo livro, A Lança do Deserto, se debruça.

Esta é, com toda a certeza, uma das melhores séries fantásticas da actualidade. Adorei ler o primeiro livro e quando acabei o segundo livro senti uma ânsia como há já muito tempo não sentia em seguir para o próximo. Peter V. Brett criou uma história que nos agarra, que nos mete os pêlos em franja, que nos faz apaixonar. Há um nível muito pessoal que se atinge nesta leitura. Talvez porque as personagens estão tão bem apresentadas, talvez porque se baseiam em assuntos muito próximos dos sentimentos do "mundo real", é uma experiência incrível.

O mundo onde a história se passa parece-me relativamente simples, comparado com os mundos pensados até aos pêlos dos cães que em geral os livros fantásticos tentam oferecer. Mas não precisa de ser demasiado complicado, já que são as suas personagens e a sua luta que realmente importam. A história, que se prepara agora para se estender ao terceiro livro (estão planeados cinco ao todo), não é nenhum enredo como Crónicas de Gelo e Fogo de George R. R. Martin nos oferece, é de longe bem mais simples e fácil de seguir, mas prima na originalidade. Mais importante do que isso é a sua base, a sua origem. O Homem Pintado foi inspirado pelo medo, factor que infelizmente todos nós conhecemos demasiado bem actualmente, pelo que os Demónios da Noite surgem como a encarnação dessa sensação. A Lança do Deserto baseia-se em culturas opostas batalhando por encontrar um espaço comum (infelizmente, a nossa sociedade também conhece bem essa situação). Quanto a Daylight War, veremos. O autor fala-nos de um "livro sobre relações"; embora eu acredite que todos até agora o foram.

Aliás, o ponto forte nos livros é mesmo as suas personagens. Não há uma única personagem pela qual eu não me sinta fortemente ligado, emocionalmente ligado. Isto acontece porque Brett faz algo que a maioria dos escritores deixa para mais tarde: Brett conta a história das suas personagens desde o início da sua vida. Não há segredos, não estamos à espera de revelações do género "Eu sou o teu pai" com o avançar da história, porque nós conhecemos a vida inteira das personagens. Vemo-las crescer, vemo-las passar por imensos estados de espírito, acompanhamo-las nas suas lutas ao longo da vida, desde que começaram a viver.
E isso torna incrivelmente difícil escolher lados. A noção de Bem ou de Mal (excluindo os Demónios, claro) não se aplica a Arlen ou Jardir.
Talvez esse seja, para mim, o maior dom de Brett. Não só ser um incrível contador de histórias, não só revelar-se um escritor fantástico que rapidamente nos prende nas suas palavras, mas tem essa capacidade de dar às suas personagens tanta humanidade, tantos desafios pessoais, de moldá-las até que se tornem tão complexas como qualquer um de nós. Todas as surpresas, toda a excitação que nós tiramos do livro, surge com o crescer das personagens e não é preciso criar um passado misterioso ou segredos de outros tempos para o leitor não conseguir parar de ler e querer descobrir mais, o que é algo que muitos escritores não se mostram capazes de fazer.

Como já perceberam, mal posso esperar pelo lançamento do terceiro livro, The Daylight War.

Infelizmente, só deveremos ter a sua tradução em Portugal na segunda metade do ano. Estou bastante entusiasmado com esta publicação, portanto é bem possível que pegue na versão original assim que ela for lançada, o que está previsto para Fevereiro!

Portanto, quem não começou, pegue nos livros, publicados em Portugal pela Gailivro, e apaixone-se!


http://4.bp.blogspot.com/_d-7MG4l9RYI/TR3hhCyATHI/AAAAAAAAE8w/gCFBAkGHQQw/s1600/alan%25C3%25A7adodeserto.jpg


25/07/2013 - Confirmação da publicação do livro em Portugal no Outono

   


15 comentários:

Rui Bastos disse...

Quase que me convences a depois comprar os 3 duma assentada...

Pedro disse...

Rui, vou ser sincero:

Tu vais adorar estes livros.
Bem, posso estar a precipitar-me (odeio dizer logo a alguém isto porque sei o quanto as expectativas podem destruir uma leitura), mas ponho a minha mão no fogo em como tu vais adorar esta saga. Primeiro, porque adoras Fantasia. Segundo, porque tem personagens fantásticas, toda a gente a quem aconselhei o livro ficou agarrado a elas. A história é muito fixe, lê-se super bem... Sinceramente, acho que devias ir já comprar os 2 primeiros livros, começar a lê-los e aguardar com ansiedade o pouco tempo que falta para o terceiro =P (só de pensar que vou rever estes livros quase que choro de emoção hahaha)

Marg2 disse...

Boa tarde

Eu por cá estou "mortinha" por lhe deitar a mão, são mesmo fantásticos.
M.V.

Pedro disse...

Marg2, esperemos que Gailivro se apresse com a tradução! (os livros parecem ser suficientemente bem sucedidos para que a publicação não seja adiada!)

Anónimo disse...

Já se sabe quando será publicado? ando a que tempos a espera, "obriguei" a minha namorada a ler estes livros e veio perguntar-me logo se o proximo já tinha saido.

Que espera interminável

Pedro disse...

Anónimo, a Gailivro já disse (via Facebook, se me lembro bem) que a edição portuguesa seria publicada no segundo semestre do ano.
Dado isso, eu diria que devemos esperar uma publicação em SETEMBRO. Não acredito que tenhamos a sorte de tê-la mais cedo (a tradução ainda demora muito, o livro é extenso, e de certeza que vai haver alguma promoção). Mas é um palpite. Uma coisa parece-me certa: será ainda este ano.

É mesmo uma espera interminável! Tenho tentado procurar o livro na edição inglesa, mas não encontro por cá.

Boas leituras!

Miguel disse...

Ui, Setembro? Pronto, está decidido! Vou para a versão inglesa..=P
E para quem quiser, pode comprar aqui, que nas nossas lojas também não encontrei nenhuma!
http://www.amazon.co.uk/The-Daylight-Demon-Cycle-Book/dp/0007276192/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1368057868&sr=8-1&keywords=the+daylight+war

Anónimo disse...

tenho uma duvida, vi esta imagem e fiquei a pensar se só existem três livros ou dois de cada ou seja seis, gostava que alguém me esclarece-se

https://twitter.com/PVBrett/status/347818509578940416/photo/1

obrigado

Flávia Sofia Barbosa Encarnação disse...

Olá!

Na wook.pt existe a versão inglesa. Fizeram imensa publicidade, e até tinham uma edição (julgo que limitada) em capa dura. Para quem aproveitou na data de lançamento, conseguiram uns bons preços (acho que incluía portes e tudo).

Eu tenho tentado resistir à tentação, para ficar com todos os livros no mesmo idioma...mas está complicado!

Apenas sei que ninguém queria ler estes livros (ah e tal Demónios e tal...), mas assim que começaram, ficaram rendidos! Já converti toda a minha família e amigos mais próximos, e só me sabem perguntar "quando raio sai o próximo livro" (perdoem a expressão) :D

Recomendo e fico à espera de novidades!!

Pedro disse...

Anónimo, peço desculpa pela demora na resposta.

Por enquanto existem apenas três livros.
Essa imagem corresponde à edição polaca, que pelos vistos decidiu dividir cada volume em dois. Provavelmente por motivos financeiros. Mas tanto na edição original como na edição portuguesa são três livros, apenas.

Anónimo disse...

se quiserem em inglês podem comprar no site wook.pt

Pedro disse...

Flávia, precisamente, esta foi daquelas séries que apareceu discretamente mas que aos poucos ganhou uma legião de fãs! É tão melhor do que aquilo que as pessoas são levadas a pensar ao início, e quando lêem percebem-no. Também tenho muitos familiares e amigos a torcer as unhas pelo próximo livro =D

Boas leituras!

Pedro disse...

25/07/2013 - Confirmação da publicação do livro em Portugal no Outono!! http://leitura-constante.blogspot.pt/2013/07/publicacao-de-guerra-diurna-de-peter-v.html

Anónimo disse...

é realmente uma grande historio, já comecei a ler o terceiro livro e não fica nada atraz dos dois primeiros :) vale bem a pena :)

Pedro disse...

Estou a acabar o terceiro livro e concordo! =) sem dúvida, esta é das melhores sagas que por aí anda.

Quem também lê