segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Living Dead in Dallas, de Charlaine Harris

"A fun, fast, funny, and wonderfully intriguing blend of vampire and mystery that's hard to put down and should not be missed." - Susan Sizemore, author of the Laws of the Blood series

Cocktail waitress Sookie Stackhouse is on a streak of bad luck. First, her coworker is murdered and no one seems to care. The she's face-to-face with a beastly creature that gives her a painful and poisonous lashing. Enter the vampires, who graciously suck the poison from her veins (like they didn't enjoy it).
Point is, hey saved her life. So when one of the blood.suckers asks for a favor, she complies. And soon, Sookie's in Dallas using her telepathic skills to search for a missing vampire. She's supposed to interview certain humans involved. There's just one condition: The vampires must promise to behave - and let the humans go unharmed. Easier said than done. All it takes is one delicious blonde and one small mistake for things to turn deadly...

Praise for
Dead Until Dark:
"Highly original, extraordinarily riveting, erotic, and exotic... Charlaine Harris weaves storytelling magic in a tale of vampires and small-town Louisiana." - Lynn
Hightower


Pois é, mais um que acabei!
Antes de mais, tenho a dizer que a série de Sookie Stackhouse já é uma das minhas favoritas... E acho que estar a lê-la na língua original contribui muito para isso!

Mais uma vez, encontramo-nos com Sookie e o Bill, o seu namorado, que é um vampiro. Nestes livros, os vampiros são aceites na nossa sociedade, embora nem todos os humanos estejam contentes com esta situação...

Neste livro, Sookie tem a missão de se deslocar até Dallas e procurar por um vampiro desaparecido. Conhecemos, assim, uma data de novas personagens, uma Aliança totalmente contra os vampiros e outros seres fantásticos!

Confesso que o que me desagradou mais no primeiro livro foi precisamente o aparecimento de novas criaturas, como os "metamorfos" (shapeshifters), pois na minha opinião tirava alguma da veracidade que o livro poderia ter, com vampiros aceites na nossa sociedade.
Este livro mudou totalmente a minha opinião.
Encontramos ainda mais criaturas, como uma Ménade, e muito embora a princípio me fizesse muita confusão o seu aparecimento, estamos perante um final tão, mas tão bom, que fiquei de todas as formas agradado com todas as criaturas!!

"Dead Until Dark" foi um excelente começo, dotado de originalidade. Acho que "Living Dead in Dallas" deixa a originalidade para trás para começar a explorar mais a história, e embora a princípio achasse que parecia mais um daqueles livros de aventura e Fantasia, enquanto avancei na leitura mudei totalmente de opinião. O livro foi-se tornando mais interessante, e muito, muito mais mexido do que o primeiro! Torna-se um autêntico vício, para culminar num final perfeito!

A escrita de Harris está, na minha opinião, um pouco mais madura do que o primeiro livro. A linguagem continua a ser acessível e a empolgar o leitor, mas nota-se ser um pouco mais cuidada.

Resumindo, este livro é um pilar bastante sólido para esta série, e quero ver se me despacho a ler os restantes livros!



P.S.: o Eric é um vampiro que tem grande destaque neste livro, e posso garantir que também o terá nos próximos livros =) Sem dúvida, uma personagem que com Sookie atrai grandemente o leitor!

13 comentários:

Jacqueline' disse...

Tenho MESMO de me apressar a ler esta saga...

Rui Bastos disse...

Uma grande saga, sem dúvida!

Aline A Batistuti disse...

Oi, que alegria encontrar outra pessia que tenha lido o livro e tambem amado, eu o li tambem em ingles e realmente muito melhor, afinal nada como o original.
Fiz post sobre o livro tambem, passa la no meu blog e procura pela autora.
Ja estou lendo o 5 livro, Dead as a Doornail. (nao descobri ainda o que é doornail).
beijos

Lili disse...

Eu adoro essa série. Tanto o livro como na Tv. Estou acabando de ler Dead To The World, o 4º livro da série e estou amando...
Posso dizer que o Eric cresce nos livros e se torna indispensável!!!

Beijos

marcia disse...

Também já li os dois primeiros livros mas em português. Gostei muito e quero continuar esta saga...

zebra3 disse...

Passa no meu blog, tenho lá um mimo ;) Boas leituras!

Belisa disse...

Olá
Não é preciso dizer...mas continuação de boas leituras! :)
Beijos estrelados

Julianna Steffens disse...

Estou esperando o meu Dead until DArk chegar.. mal posso esperar para ler ^^

Jacqueline' disse...

Pedro, tens dois selos na Cozinha das Letras...

Estefânia disse...

Tens selinhos no meu blog!!!:)

Canochinha disse...

Gostei mais deste do que do primeiro, sem dúvida... é uma leitura muito agradável e aguardo com entusiasmo a publicação do próximo volume :)

Clara disse...

Bem, acho que estou mesmo a precisar deste tipo de leitura! Obrigada pela dica!

Pedro disse...

Jacqueline,
bem o dizes! Se gostas de vampiros, não a podes perder!
(obrigado pelos selos =D)

Rui Bastos,
Estou a gostar imenso, só não consigo ler todos de uma vez porque tenho de intercalar com outras obrigações =)

Aline A Batistuti,
bem, eu ainda não sei quando é que conseguirei ler os próximos livros! Fico bastante feliz que também estejas a gostar, e sim vou espreitar as tuas críticas!

Lili,
ainda só vi o primeiro episódio da primeira temporada, e gostei muito!

Marcia,
só ainda não li todos os outros porque entre eles impõem-se outras obrigações, como também sabes. Senão, sem dúvida já estava bem avançado na saga! Por enquanto, também mantenho uma boa expectativa ^^

Zebra,
muito muito obrigado! =O

Belisa,
por enquanto, têm sido mais do que boas! =)

Julianna Steffens,
esperes que gostes muito, olha que vale mais do que a pena! É quase viciante.

Estefânia,
eeeeh, tantos selos! ^^ Sinto-me bastante honrado!

Canochinha,
Gostei tanto de um como de outro... Por acaso, até que achei o primeiro mais original, até porque sempre é o primeiro.
Mas neste aqui, o início não dita o fim, e quando acabei senti que afinal ainda me sentia mais desperto para esse mundo!

Clara,
é uma leitura atrevida e viciante, vais adorar de certeza!

Um grande abraço

Quem também lê